História

Santa Felicidade é um distrito da cidade de Curitiba, no Estado do Paraná. A administração da regional de Santa abrange os bairros: Butiatuvinha, Campina do Siqueira, Campo Comprido,Cascatinha,CIC-Jardim Gabineto, Lamenha Pequena, Mossunguê, Orleans, Santa Felicidade, Santo Inácio, São Braz, São João, Seminário e Vista Alegre.
A região foi formada pela antiga Colônia Santa Felicidade, formada por imigrantes, na sua maioria, italianos. A ocupação ocorreu mais intensamente a partis de 1878, por imigrantes vindos na sua maioria das regiões de Veneto e Trento, no norte da Itália. Os colonos dedicavam-se inicialmente à produção de queijos, vinhos e hortigranjeiros.
O nome Santa Felicidade veio da Dona Felicidade Borges, que doou grande parte das terras aos imigrantes italianos.
A região era um caminho de passagem de tropeiros nos séculos 18 e 19. As tropas paravam neste caminho para repousar e se alimentar, e desta forma, surgiram as primeiras cantinas, que mais tarde se tornaram restaurantes. Isto contribuiu para que a região se tornasse um centro gastronômico.
Atualmene Santa Felicidade possui cerca de 30 restaurantes, alguns com capacidade para mais de mil lugares. Também se encontram vinícolas, cantinas de vinho, lojas de artesanato e móveis de vime e junco.
O Bosque São Cristóvão é o anfitrião das típicas festas anuais do vinho e da polenta e do frango, que manifestam as tradições de cultura italiana de Santa Felicidade.
No ano 2000 os moradores de Santa Felicidade fizeram uma polenta de 500 metros em comemoração aos 500 anos do descobrimento do Brasil.
Santa Felicidade é uma região acolhedora e aconchegante, com cara de cidade pequena e ao mesmo tempo com todas as facilidades que um ambiente urbanizado oferece.
De acordo com o CENSO realizado pelo IBGE em 2010, Santa Felicidade possui 135.981 habitantes.

Divisão Administrativa de Curitiba

Pontos Turísticos

Parque Barigüi

Portal de Santa Felicidade

Igreja Matriz

Casa das Pinturas

Leão de São Marco

Praça San Marco